quinta-feira, julho 12, 2007

Tu

Analizando os meus bens,
Contabilizando os meus tesouros,
Fechando a caixa de tudo o que adquiri,
Pude concluir:

Tu és...O meu melhor bem,

O meu maior tesouro,

A minha aquisição mais valiosa.

Tu és Tudo Para Mim!

Eu chorei, tu ensinaste-me a sorrir

Eu sofri, tu ensinaste-me a amar

Eu morri, tu ensinaste-me a viver

mas se um dia tu deixares de existir,

eu choro, sofro e até morro

pois a única coisa que tu não me ensinaste foi viver sem TI!!!

13 comentários:

Gilberto disse...

Carla, gostei muito. Até. Gilberto, São Paulo - Brasil

Endless... disse...

Epa, Carlita!!
Assim não podes viver sem "ele"!!! ;)
Mas o Amor é mesmo assim!!!
Gostei!!!

Essa imagem está simplesmente ESPECTACULAR!!!
Sugestiona, acima de tudo...Partilha! Muito linda amiga!

Tudo de bom para ti!
Beijinhos e um bom fim de semana!

Jorge

José Manuel Dias disse...

..momentos simples...mas com grande significado.
Abraço

Lurdes disse...

Que sorte a dele por te ter! Que sorte a tua por sentires assim...

Beijinhos

serenidade disse...

Lindo, Carla,
especialmente a última frase "só não me ensinaste a viver sem ti!!"
É bem verdade...

Serenos sorrisos

CatWorld disse...

tanto amor!e bom qd se ama assim!nos pessoas ongenuas so ganhamos no futuro com isso, pq caimos a primeira mas ja nao caimos a segunda!beijoca!vou-te linkar!

Zeca Paleca disse...

Tudo se aprende nesta vida.
O amor, como os restantes sentimentos do ser humano, tem as suas explicações e os seus mistérios; as suas grandezas e as suas misérias. Mas não confundamos desejo com necessidade. è lógico que queiramos que as pessoas-chave da nossa vida nos amem, mas isso não significa que necessitemos desse amor para viver.
NÃO TEMOS DE PAGAR «PORTAGEM» NO AMOR?

Espero que me compreendas.
Toma lá um

eheheheheheheh

Daniel Aladiah disse...

Querida Karla
Cuidado com o excesso de dependência :)... nunca se sabe se não teremos mesmo de viver sem...
Um beijo
Daniel

DE-PROPOSITO disse...

Olá.
Um poema.
Ao ler-se um poema pode se interpretar de muitas maneiras.
Quanto a mim, este poema só pode ser dirigido a um filho(a).
Se não for isso, perde todo o sentido. O amor entre homem/mulher ou mulher/homem, não é nada do que vem nos livros nem nas poesias, nem é nada do que se passa na 'idade das ilusões' .
Fica bem.
Felicidades.
Manuel

littledragonblue disse...

Olá. O Amor é a maior das grandezas. A foto está divinal.
Beijinho e votos de uma boa semana. Aproveita bem o espirito e força do amor.

**Arclight** disse...

mas k lindo é o amor nas palavras
abraçam-nos o coração de tanto carinho e a alma de vida..

lindo!

beijinho**

pequenita disse...

Descobrimos coisas
que ninguém mais sabe
Coisas diversas do saber comum.
A transfusão que existe no beijar
quando a ternura é líquida
E a transparência
opaca
do suor
quando o amor é feito
E o jeito que nos fica
de namorar o corpo
E o exagero em tudo que se diz
nas juras repetidas
Descobrimos coisas
que ninguém mais sabe
e que aprendemos juntos.

Quando o Teu Corpo e o Meu...
www.pequenita.blogs.sapo.pt

Amaral disse...

Um tesouro de carinho e ternura que dás ao Amor, quando só o Amor merece tanto amor!